quarta-feira, 13 de maio de 2009

Sim !

Quando ela disse sim nem percebeu o erro.
Derrepente ela era a assassina de tudo que
ela mais gostava...
O sim era o contrato e a cada dia a deixava
mais distante da realidade de outrora!

(Ariadne)

3 comentários:

Punk disse...

O meu amigo JM costuma dizer "casar? contra quem?"
E ele deve saber do que fala... já se casou duas vezes! :D

(presumo que fosse um dos contratos em que pensavas)

bjos

Jessé Carvalho disse...

A razão de ser um amigo fiel,...
êba eu te louvo.
ameiii de coração.

dine disse...

hahahuahauhaa pedro voce foi mais longe do que eu iria neste texto! adorei!