sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Perguntas merecem respostas?

A gente faz de tudo mas nada faz sentindo.Passamos pelos anos a procura de um indício ou uma resposta que preencha feito chave em fechadura a todas as nossas indagações...bebemos,trabalhamos,podemos até usar drogas ou constituir família mas tudo isso não são respostas que procuramos,são apenas formas de tentar preencher os espaços vazios deixados pelas dúvidas

Alo , alo um lembrete ... não dá pra achar essa estabilidade que queremos, podemos até nos condicionar mas a qualquer momento vem em nosso consciente as perguntas que outrora pensavamos que tinhamos respondido...

3 comentários:

Punk disse...

É como dizia o "outro", ao longo da história humana deparamo-nos com o assustador facto de não sabermos quem somos nem para onde vamos, neste oceano de caos e por isso as autoridades politicas, religiosas, educacionais, tentam confortar-nos/formatar-nos com a sua visão da realidade, leis, valores...

Quem consegue pensar por si, questiona a "autoridade", mas tem de pagar o preço de se colocar num estado vulnerável, caótico, confuso, de visão da realidade!

Faz-nos sentir um pouco sós, não?

Daniela disse...

gostei
vou pensar nisso Dine.
;*

MOURA, de Isaque. disse...

Aos 6 anos eu queria ser índio.
Aos 14 queria ser arqueólogo.
Aos 16 eu penso apenas em uma coisa: No não-ser.

Autoridade por si mesmo?